Passar para o Conteúdo Principal Top
Mostrar links rápidos
Câmara Municipal de Murça
Hoje
Hoje
Amanhã
Amanhã

Orçamento para 2019 aprovado em reunião de Câmara

Orçamento para 2019 aprovado em reunião de Câmara
28 Novembro 2018

Equilíbrio, coerência, rigor, legalidade, transparência e integridade do serviço público privilegiado no Plano e Orçamento da Câmara Municipal de Murça para 2019.

O Orçamento da Câmara Municipal de Murça para o ano 2019, no montante global de 8,9 milhões de euros, foi aprovado por maioria na reunião do executivo municipal do passado dia 6 de novembro, sendo agora apreciado pela Assembleia Municipal na próxima sessão.

Trata-se de um orçamento que prevê investimentos em todos os setores da atividade municipal, verificando-se um acréscimo de 18,50% para o ano 2019, relativamente a 2018.

Quanto às Grandes Opções do Plano para 2019, ronda os 3,4 milhões, sendo que destes fazem parte o Plano Plurianual de Investimentos e o Plano Municipal de Atividades.

Para o presidente da Câmara de Murça, Mário Artur Lopes “apesar das limitações e condicionalismos existentes, da herança recebida com elevado índice de complexidade e de gravidade, é possível realizar uma gestão e intervenção política determinada, sólida e estável, enraizada no mandato conferido pelos cidadãos do Município de Murça e no programa escolhido para a ação da Câmara Municipal”.

O autarca e economista de formação assume que “o orçamento para o ano 2019 será fundamental para o desenvolvimento de Murça, na medida que incorpora a implementação de diversos projetos estruturantes, que certamente irão marcar a vida da comunidade nos próximos anos”, acrescentando que “estamos empenhados em manter o rigor e transparência na gestão municipal, executando a correta e cuidada aplicação dos dinheiros públicos”.

O equilíbrio, a coerência, o rigor, a legalidade, a transparência e a integridade do serviço público continuam, assim, a ser privilegiados no Plano e Orçamento para 2019 pelo atual executivo liderado por Mário Artur Lopes, privilegiando políticas centradas nas pessoas, na prestação de serviços de qualidade, mas também na qualificação do território e dos seus agentes.

Após aprovação em reunião de Câmara, o Orçamento e Plano de Atividades para 2019 segue para apreciação e votação na Assembleia Municipal.